7 curiosidades do Enem

Blog
Reading Time: 3 minutes

Abriram as inscrições do exame mais importante do país, por isso reunimos 7 curiosidades para você compartilhar com aquele seu amigo medaholic e aliviar a mente da pressão nesses dias. Vamos lá? 

 

1- A primeira edição do Enem foi em 1998

O Brasil perdeu a final da Copa do Mundo, o google foi criado, Titanic dominava os cinemas e o mais importante: o país escolhia a nova loira do Tchan. Ah e também o Inep realizava a primeira edição do Enem.

1

Ele servia para avaliar a qualidade do ensino médio no Brasil, apesar de duas instituições de ensino superior já usarem a nota como forma de ingresso. Agora vai bater a saudade: a taxa de inscrição era de apenas 20 reais. 

 

2- O primeiro tema da redação

“Viver e aprender”, simples e poético. Era isso aí mesmo, medaholic. Pelo jeito, o Inep só queria incentivar o potencial argumentativo dos estudantes. Já para motivar, também tinha um trecho da música de Gonzaguinha “O que é o que é”.

2

3- Recorde de inscritos

 

Foram mais de 9,5 milhões de inscritos em 2014 e, sim, no fatídico ano do 7 a 1.   Em média, a prova tem mais de 6 milhões de candidatos todos os anos. É o maior evento educacional do país.

 

Para se ter ideia dessa imensa quantidade de jovens prestando a prova, seria equivalente à soma das populações do Distrito Federal, Sergipe, Mato Grosso do Sul, Roraima, Amapá e Acre juntos! 

 

4- Popularidade

E não é que a prova fez o seu nome? O exame hoje é considerado o segundo exame com mais inscritos no mundo. Só ficando atrás do GAOKAO, que falando da maneira mais simplificada possível, é tipo o Enem da China. O Gaokao já obteve a marca de mais de 10 milhões de inscritos. Imagina o tanto de gente.

3

5- O método TRI

 

Desde 2009, o Enem utiliza a Teoria de Resposta ao Item, um método para calcular a nota das questões do Enem. Tanto na produção, como na correção da prova. Mas quem fala melhor sobre isso é a nossa especialista, Camila Ferreira, que você pode dar uma olhada no que a Camila escreveu sobre como arrasar na TRI.

 

6- Mais de 70% dos inscritos no primeiro Enem digital não compareceram

 

A primeira vez que o MEC utilizou o método digital foi na última edição. Só que mais de 70% dos inscritos não compareceram no dia da prova. Muito por conta da pandemia e também do grande deslocamento necessário de alguns alunos, a alta taxa de abstenção ficou muito alta.

4

Mas a abstenção no Enem é comum. No método tradicional, o impresso, mais da metade dos inscritos também não compareceram a pelo menos um ou os dois dias de realização do exame, mais precisamente, 55,3% dos estudantes que realizaram a inscrição.

 

7- Ele é internacional ele

Você sabia que o Enem também é valido também em outros países? Atualmente, instituições em Portugal, Estados Unidos, Canada, Reino Unido, Irlanda e França recebem alunos com as notas do teste brasileiro. O Inep tem acordo com 50 universidades e institutos politécnicos.

Inclusive, Portugal é um dos destinos mais procurados. 

5

Aqui você pode conferir as 50 Instituições em Portugal que aceitam a nota do Enem.

 

Eu sei que você não vai fazer como esses estudantes, né? Então aproveita que aprendeu essas curiosidades sobre o Enem e vai fazer a sua inscrição!

Até a próxima, medaholic 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Ver Todas
Notícias

Neuralink e a medicina

Blog

Desistir não é uma opção

Notícias

Vestibular da Fuvest 2023 sofre mudanças pela USP

Quero saber tudo do mundo Med!