Escolher fazer Medicina é um investimento da família inteira!

Matérias
Reading Time: 4 minutes

Quando se é pai e mãe, é comum que com o crescimento do filho sejam criadas também expectativas sobre o seu futuro e sua vida como um todo. Desde pequenos somos questionados sobre o que queremos ser quando crescer, e ao longo da vida essa pergunta é repetida diversas vezes. 

 

Em certo momento o sonho de ser astronauta ou jogador de futebol pode ser substituído por médico, e então nasce um sonho em fazer Medicina que acaba se expandindo e tornando-se sonho de várias pessoas.

 

Continue nesse post e entenda mais sobre a importância desse investimento coletivo para fazer o curso de Medicina e saiba como lidar com as expectativas que são criadas em relação a isso.

Construção de um sonho conjunto

Ao escolher o curso de Medicina para a vida profissional, já nesse momento nasce um sonho coletivo, que não cabe só ao futuro médico, mas também a quem está próximo e compartilha a vontade que esse sonho se concretize. 

Song Celebrate GIF

Com esse sonho, é inevitável que exista também um investimento não só financeiro, mas também de tempo. Para colher os bons frutos, é com esse plantio seja feito em harmonia com outras pessoas para que cada um possa oferecer o que tem de melhor.

 

É o dinheiro pro cursinho, acordar mais cedo para preparar o café da manhã reforçado, é abrir mão de viagens para poder estar ao lado na hora de focar nos estudos. Tudo isso é um tipo de investimento feito em família em prol do mesmo objetivo: fazer de você médico(a)!

 

  • Veja também:

Importância da rede de apoio para estudantes

Para muitos alunos a rotina, obrigações e cobranças feitas durante o curso podem gerar níveis de estresse, é nesse momento que o estudante deve contar com sua Rede de Apoio. Mas afinal, o que é isso? Nós te explicamos: o conceito vem do cuidado e apoio necessário para auxiliar uma mãe na criação de uma criança. A proposta é construir sólidas relações, capazes de ajudar tanto emocionalmente quanto desempenhando atividades do dia a dia. Sabendo disso, o conceito pode ser ampliado em se tratando de estudantes. 

 

Segundo um provérbio africano: “é preciso de uma aldeia para criar uma criança”. Agora, podemos estender e adaptar esse conceito: é preciso uma família para criar um Médico. Isso porque o estudante necessita de pessoas que sonhem junto, mas que também entendam suas limitações e necessidades para conseguir se empenhar nos estudos e buscar bons resultados.

family GIF

Ao escolher o curso de Medicina, é necessário entender que será uma caminhada longa desde o pré-vestibular até a tão sonhada formação na área. No decorrer desse tempo, é com a família que você deve contar para superar adversidades. Assim, é o esforço conjunto entre você e sua aldeia que vai garantir um resultado positivo e a construção de um caminho mais leve.

A família investe por acreditar no seu potencial!

Ter pessoas que acreditam no nosso desempenho e estão dispostas a investir com a gente é um grande impulsionador na hora de procurar inspiração e motivos para continuar acreditando. Nos momentos mais difíceis, saber que pessoas contam com você e torcem junto, é um bom motivo para continuar perseverando e acreditando no seu sonho, mesmo que nesse momento ele pareça distante da sua realidade.

John Stamos Family GIF by Grandfathered

Trilhar essa jornada sem essa rede de apoio é um caminho árduo, por isso é importante valorizar e saber ouvir as pessoas que permanecem ao seu lado, apoiando suas escolhas.

Investimento x Construção de expectativa

Quando se faz um investimento na bolsa de valores você automaticamente espera o retorno financeiro que isso vai te proporcionar. Em se tratando do investimento no seu sonho, é normal que sejam construídas expectativas em cima disso. Mas calma, não deixe que isso se torne um fardo!

 

A caminhada de um pré-vestibulando de Medicina possui altos e baixos, e a reprovação em uma prova pode ser uma realidade em algum momento, mas não uma sentença imutável. Ao escolher esse curso, é preciso que todos estejam cientes e abertos a entender que, por mais que haja esforço mútuo, às vezes o resultado não é como se espera.

 

Para isso, é preciso que você seja claro e converse com sua família para alinhar expectativas e evitar cobranças ou comentários sobre frustração. O momento é de tentativa e erro, e mesmo quando não se tem o resultado esperado, ainda sim é uma forma de aprendizado.

 

Nesse momento também é importante saber conversar sobre respeitar espaço e momentos. Isso porque quando se é vestibulando de Medicina, é natural que isso demande mais do seu tempo e concentração, por isso, é importante evitar cobranças e entender que às vezes esse estudante nem sempre estará 100% disponível.

Papel da família na construção dessa jornada

É dentro de casa que recebemos os maiores exemplos e construímos nossa noção de ética e valores. Logo, à Instituição de Ensino cabe oferecer o conhecimento e técnica necessária para o desenvolvimento de habilidades e competências médicas, mas não é na sala de aula que o cuidado e a humanização desse estudante ocorre. É dentro de casa.

 

É preciso que a família também invista na educação de um ser humano cada vez mais consciente da sua responsabilidade enquanto ser social. Não é só pagar um ensino de qualidade e cobrar bons resultados, mas estar verdadeiramente junto na caminhada, sempre aberto a escutar as dores e medos do filho.  

 

Para pais e mães, o futuro dos filhos é uma construção que deve ser sólida, um investimento a longo prazo no sucesso e felicidade dos filhos. Cada um com sua parcela de responsabilidade, aos poucos o sonho vai se tornando palpável até se tornar realidade. E nesse momento, é possível entender que cada momento e cada pedaço investido foi essencial para construir a história desde a escolha do curso que se desejou tanto até a formação em Medicina.

 

 

 Como Estudar Medicina pagando pouco? (ou até nada!)

Comentários

Os comentários estão fechados.

Quer o MEM na palma da mão?