TENHA UM BOM DESEMPENHO NA PROVA DO ENEM

Matérias
Reading Time: 2 minutes

Já imaginou misturar brigadeiro com Química e ter um bom desempenho na prova do Enem? Parece maluquice né? Mas é assim, de maneira inusitada e divertida que o professor de química, Augusto Heine, passa seu conteúdo para os alunos em sala de aula, nos cursos on-line e passou por aqui também, na nossa série Hackeando o Enem.

Neste episódio, você vai conferir várias dicas para ter um bom desemprenho na prova do Enem, não só você, aluno que se planejou e só precisa de um up nessa reta final, mas para o aluno que não está tão inteirado como gostaria, tem dica para você também acertar questões fundamentais na prova do Enem.

Esse episódio está dividido em 7 blocos de conteúdo e direcionamento de estudo para gabaritar a prova de química, só vou dar um pequeno spoiler dos primeiros minutos desse episódio:

Primeiro bloco:

Revisar cálculos químicos (transformações de moléculas), e para revisar estequiometria ainda tem paródia de música do Show da Xuxa, quem foi baixinho da Xuxa vai saber e quem não foi também vai saber, porque é dica para memorizar conteúdo de química para o Enem.

Segundo bloco:

Substâncias, misturas e suas propriedades, e reações químicas, conteúdo mais teórico, que se enquadra nas questões básicas.

 

Dicas de como resolver as questões de cálculo, que na sua maioria são questões complexas, olha a TRI de novo gente, se liga nessa danadinha, para saber mais clica aqui.

Lembrando que tem vídeo no nosso canal do youtube de como responder as questões da prova do Enem. 

Veja só como Augustão resolve sua vida para o Enem, além de dicas de química tem dicas interdisciplinares também.

Lembrando que os alunos que estão inscritos no grupo Medaholic do Telegram tem acesso exclusivo a questões e exercícios para o Enem, elaboradas pelos professores.

Vai perder esse episódio? Não né? Clica aqui e veja o vídeo completo.

Veja também

Ver Todas
Notícias

O que será do Novo Enem?

Notícias

MUDANÇAS NO PROUNI

Matérias

Valores de mensalidade no Sudeste

Quer o MEM na palma da mão?