História do aprovado e o colorcode

Blog
Reading Time: 4 minutes

História do aprovado e o colorcode. Passar no vestibular de medicina, essa é meta para a maior parte dos leitores que acompanham o blog da melhores escolas médicas.

Para quem está nessa trilha, pode parecer que esse objetivo está longe de ser alcançado, por isso resolvemos criar a história do aprovado, nesta coluna contamos histórias de aprovados em medicina e como foi o processo de estudos e aprovação nessa jornada. 

Hoje a história do aprovado relata o caminho percorrido pela estudante do 7° período de medicina da faculdade de ciências médicas de Minas Gerais, Luísa Trindade Vieira. 

 

O que você pode ter em comum com Luísa

Diante todas as histórias e relatos que já tivemos por aqui, medicina sempre foi um sonho e uma opção para Luísa, porém ela não admitia para ninguém, nem para ela mesma, essa vontade de cursar medicina.

Por que, você deve estar se perguntando. Segundo Luísa, ela não acredita que seria possível passar, pela concorrência, pela dificuldade do ingresso, e também por não acreditar nela mesmo.

Falamos muito sobre dicas, e rotinas de estudos por aqui, contudo gostamos de ressaltar como o equilíbrio emocional e como trabalhar seu mindset podem ser pontos decisivos na aprovação.

 

A vida pode te surpreender

Embora Luísa não acreditasse que essa meta pudesse ser atingida (a de passar em medicina), ela passou em medicina pelo vestibular direto da faculdade de ciências médicas de Minas Gerais, quando ainda estava cursando o 3° ano do ensino médio.

Vale ressaltar que ela considerou por muito tempo fazer o curso de biomedicina, achando que seria mais fácil passar, porque não acreditava que ser uma estudante de medicina era uma possibilidade para essa mineira.

 

Ansiosa, quem nunca?

Por não ter total confiança na sua capacidade de entrar numa faculdade de medicina, e a pressão que está atrelada a isso, Luísa sofreu um “bocadinho” com a danada da ansiedade.

Por não acreditar no resultado positivo, quando o vestibular estava se aproximando, ela sofreu muito com sintomas físicos da ansiedade. Estava muito tensa, tinha muitas crises de enxaqueca, estava visitando a emergência dia sim, dia não, crises de choro, entre outras coisas, que atrapalharam o processo.

Luísa ressaltou no seu bate papo com a melhores escolas médicas, que ela poderia ter usado essa ansiedade ao seu favor. E tem como a ansiedade ser um fator benéfico?

De acordo com a psicóloga Anir Oliveira, somos por natureza, seres ansiosos, mas a maneira como você encara as adversidades, e como você deixa ansiedade agir na sua vida, faz diferença.

Por ser um sentimento comum, a ansiedade quando usada de forma positiva, para te impulsionar nos seus objetivos, ela se torna positiva. A ansiedade que te coloca para cima, e não deixar sentimentos negativos, e ou pessimistas, tomar conta da sua mente.

 

Método de estudos

Chegamos na parte que é considerada bem crucial na trajetória de todos os medaholics, como estudar, o que estudar, tem fórmula mágica?

Na verdade, o método de estudos ideal, é aquele que funciona para você, que seja compatível com sua rotina, até porque o aprendizado é bem individual, e pode ser que o que funcionou para Luísa, pode funcionar para você, em tudo, ou em partes.

Luísa estudou em casa, e resolvia muitos exercícios e simulados. Tem post aqui no blog falando sobre a importância dos simulados para o vestibulando de medicina.

 

Colorcode

História do aprovado e o Colorcode, você já ouviu falar sobre esse método? Confesso que a primeira vez que ouvi esse termo foi quando conversei com Luísa e ela falou sobre sua rotina de estudos.

Em suma, o Color Code é um sistema de cores no qual você define uma informação para cada cor de marca-texto. Assim, de forma visual, você consegue por meio das cores e legendas, facilitar sua leitura e armazenamento de informações.

Segundo Luísa, ela baixava na internet provas antigas do vestibular da faculdade de ciências médicas de Minas Gerais( instituição que estuda atualmente),  e a cada questão que resolvia, ela analisava o conteúdo e marcava com uma cor, assim foi criando ColorCode de conteúdo de questões.

Por exemplo:

  • Ecologia = rosa; 
  • Genética = azul;

Feito isso, ela analisa pela quantidade de cores que tinha marcado, e quais as matérias que mais recorrentes dentro de cada tema e fazia anotações.

Outra dica:

  • As questões que ela não sabia fazer, pulava;
  • As que dominava, resolvia;

As questões que não sabia fazer ou que errava, estudava o conteúdo e ia anotando o porquê de cada erro, ou o porquê de cada acerto.

Ou seja, aprofundava nos conteúdos e estudava por esses erros/dúvidas que tinha nas questões.

Dessa maneira, Luísa foi percebendo os conteúdos mais recorrentes, além de revisar e estudar os assuntos.

Além disso, foi criando sua própria estratégia de prova:

O que realmente teria que pular/deixar pra depois na hora da prova, para não entrar em desespero por estar demorando demais, não conseguindo fazer determinada questão.

 

Rotina na faculdade

Luísa ressalta que é completamente apaixonada pelo curso, “Me sinto no meu lugar, principalmente agora nos períodos mais altos. A faculdade melhora muito com o passar dos períodos.”

E se você acha que a correria de estudos acabou, está enganado. Luísa estuda pela metodologia ativa, leitura ativa (em savoring), continua resolvendo exercícios, e tem um grupo de estudos com colegas de faculdade, um explica para o outro o que aprendeu sobre determinado assunto.

Especialidade, já sabe?

A primeira opção de Luísa é cardiologia, ela disse que é apaixonada pela área,  a segunda é medicina intensiva, e por enquanto a única coisa que ela tem  certeza do que quer fazer é  a área clínica.

 

Luísa tem um recado para você!

Confiem em vocês e façam exercícios para estudo!!! Por mais que pareça impossível, uma hora vai!! 

Se você precisar de conselhos e de conversar, meu direct do Instagram (onde eu mostro minha rotina), está aberto: @medstudydalu

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Ver Todas
Blog

Vem conferir os próximos vestibulares de medicina

Blog

Entenda tudo sobre a redação e tire nota 1000

Blog

Educação como investimento: Por que é importante investir na educação?

Cadastre-se e garanta o melhor guia
para a sua aprovação em medicina